terça-feira, 23 de junho de 2009

TRA LAS LÁS: O ANO NEM ESTÁ NA METADE E A "SILLY SEASON" JÁ COMEÇOU?





Durante o longo e tenebroso inverno do hemisfério norte, quando as ruas e as pistas de corridas estão cobertas de neve, a única coisa que movimenta a lucrativa indústria do automobilismo de competição por lá são os boatos, que os ingleses chamam de "Silly Season". Sempre começa em meados de novembro e atinge seu ápice em fevereiro, março, quase começando a temporada de Formula 1. Este ano, com tantos fatos sobrepondo-se intermitantemente, cisão, fusão, rebeldes com ou sem causa (ou sem calça- caso do Max Chicotinho), a boataria começou bem mais cedo. E começou pelo final, pelo cemitério. Não, não me chamem de fúnebre (sou, confesso fã de Poe, quiçá um Steven Kingezinho de vez em quando), estou apenas me referindo aos defuntos que hesitam em esfriar: Jacques Villeneuve e Ralf Schumacher. Os dois distintos senhores tiveram mais que seu quinhão de oportunidades, bem aproveitada pelo primeiro, menos pelo segundo. Mas isso foi, na década passada! Não acho que façam falta ao cenário automobilistico atual, mas a indústria de fofocas corre solta, acho que assessores de imprensa, essa praga da era dos Big Brothers, estão querendo mostrar serviço.
Soltaram também um hipotético calendário da Formula Fota (não venham com gracinhas - vamos fazer um concurso cibernético para batizar a pobrezinha) sem a inclusão, pasmem! do Brasil. Oras, oras. Como isso é possível? Ufa....vou sugerir ao prefeito da Rocinha que faça uma prova em suas vielas, a lá Mônaco, ou melhor, uma anti-Monte Carlo, nesses tempos de politicamente correto e de governo pestista, quem sabe até consigamos uma bolsa-grande premio-companheiro na favela? Lanço meu boato desde já. Depois, não vou reclamar autoria, porque como todos sabem, boatos são como mariposas: nascem lagartas, transformam-se, voam para longe e ninguém sabe o que é deles.

Um comentário:

Bruno Santos disse...

Poxa, Ralf Schumacher e Villeneuve? Piada de mau gosto. Acho que voltam só se tiver mesmo a cisão, para gerar receita e atrair público (quem quer ver Nakajima campeão mundial com a Williams?).
Eu também vou lançar meu boato, uma pista ao redor da Lagoa da Pampulha (quem sabe assim não sobra dinheiro para recuperar o cartão postal de Belo Horizonte...rsrs)
Abraço.