quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

SHORT ONES AGAIN



Continuando na história das curtinhas: esta é para ler, anotar, recordar e conferir daqui a alguns anos: o promissor Felipe Nasr, atual campeão da Formula BMW européia assinou um contrato de "management" com o Steve Robertson. Ele que já é empresário de Kimi Raikkonen (e sócio na equipe de Formula 3) é um astuto administrador de carreiras, e foi procurado por literalmente, dezenas de jovens promessas. Ao firmar o contrato com o jovem brasiliense (apenas 17 anos) que deve competir por sua escuderia no Campeonato Britânico de Formula 3 desta temporada, sinaliza que acredita no piloto e que os brasileiros em breve terão mais um compatriota em condições de se juntar aos grandes. Boa Felipe!
A Mclaren, repetindo o que havia feito com o jovem Lewis Hamilton, acaba de assinar contrato com o jovem holandês Nyck de Vries, de apenas 14 anos de idade! O kartista, que aparentemente tem um potencial enorme terá sua carreira administrada por Anthony Hamilton, pai de Lewis, e se declarou estar em estado de êxtase. Não é para menos, eu que daqui a alguns anos certamente serei avô, já estou a procura de um empresário para meu futuro neto, e gostaria que ele pilotasse para a Ferrari ou a Mclaren. Alguém se habilita?
Jarno Trulli declarou estar muito bem impressionado com as facilidades de estrutura de sua nova equipe a Lotus, e que o que viu superou suas expectativas. Na mesma linha otimista, Rubens Barrichello se declarou super motivado e feliz na nova equipe, a tradicional Williams. De la Rosa também promete surprender seus críticos e fãs em 2010, assim como a equipe Red Bull declarou que quer ser uma "pedra no sapato" das grandes, Ferrari e Mclaren, e prometeram não repetir os erros da temporada passada, que tiraram a chance de seu piloto Seb Vettel,efetivamente vencer o mundial.
E assim caminha a humanidade.

Um comentário:

brasil disse...

Vettolino é um dos favoritos, mas acho difícil que vença um mundial onde há 4 campeões, sendo que dois deles são muito experientes (Shumi e Alonso).

Será, sem dúvidas, um grande desafio para todos, e se tivermos carros nivelados, o campeão tem tudo para ser muito mais festejado do que em outras temporadas.

Se o Massa porventura fosse campeão,coroaria uma carreira improvável de maneira gloriosa. Acho que ele merece. Vamos ver o que nos espera.