sexta-feira, 17 de julho de 2009

FANGIO: 14 ANOS SEM O MESTRE.

Provavelmente o maior talento que o automobilismo já conheceu e conhecerá. Juan Manuel Fangio, faleceu em Balcarce, onde nasceu, em 17 de julho de 1995. Grande controle, absoluto conhecimento de mecânica, carisma, liderança, humildade, um CAMPEÂO. Os números não mentem: 51 Grandes Prêmios, 24 vitórias, 5 títulos mundiais. Esta corrida foi talvez a sua maior vitória, quebrando o recorde de volta mais de dez vezes, na pista mais difícil de todas. Isso aos 46 anos de idade!

6 comentários:

Paula disse...

Um grande exemplo mesmo, demonstrava uma segurança incrível em pista.

saudades...

Speeder_76 disse...

O homem mais consistente da Formula 1 24 vitórias em 51 Grandes Prémios. Ninguém mais teve uma eficácia tão grande como ele, meu caro.

E na unica vez em que decide correr com o coração, dá nisto! Eventualmente a sua vitória mais épica na Formula 1. E sendo também a sua última, é a mais memor+avel de todas.

SALOMA disse...

Vi que vcs postaram e fiz links...bela lembrança!

Marcos Antônio Filho disse...

genio, pra mim o maior da hitória, pois correr no seu tempo e ser bem sucedido e não ter morrido em nenhum acidente, pra mim é gênio.

Cezar Fittipaldi disse...

Concordo com vocês todos. E olha que não morro de amores por argentinos...rs . Mas o Fangio foi sobretudo, um piloto.

Ron Groo disse...

Eis o arquetipo do piloto.
Todos os outros, sem exessão, são copias de Fangio.