segunda-feira, 3 de agosto de 2009

NELSINHO CONFIRMA DISPENSA DA RENAULT E SAI ATIRANDO PARA TODOS OS LADOS. ABAIXEM-SE, AÍ VEM BALA!


O que todos já esperavam acabou se confirmando na manhã dessa segunda-feira: Nelsinho Piquet foi mesmo dispensado da equipe Renault. O piloto emitiu um longo comunicado, provavelmente elaborado por sua assessoria de imprensa, onde entre outras coisas, chama seu ex-chefe de equipe, e ex-manager, Flávio Briatore de "carrasco". Eu nunca gostei de Briatore, mas vamos analisar um pouco. Nelsinho não tem do que se queixar. Roberto Moreno com um desempenho muito melhor que o seu, na então equipe Benetton, em 1991, companheiro de seu pai Nelson, foi sumáriamente demitido pelo mesmo Briatore, em favor de contratar o alemão Michael Schumacher. Não se discute aqui a competência do alemão, mas sim a maneira e as justificativas da demissão de Moreno. Nelsinho teve muito mais chances de mostrar a que veio, e na verdade, pouco serviço demonstrou. Não sei se a melhor política é sair atirando, suas costas quentes, por ter um pai rico e influente, podem não ser suficientes para lhe conseguir um outro lugar no ano que vem, a menos que se confirme a hipótese de seu pai adquirir uma equipe. Vamos ver.

4 comentários:

Marcos Antônio Filho disse...

é agora Nelsinho vai ter que torcer pro papai fazer uma equipe pra ele...

Felipão disse...

Bem lembrado... hehehee agora já são dois protegidos do Piquet que foram demitidos pelo Briatore...

Até que durou muito lá, viu???

Ron Groo disse...

Creio que ele disse "Carrasco" para ser polido.

A história do Moreno é pior, foi taxado de mentalmente inapto.

Pé de Chumbo disse...

O próximo passo do Nersão vai ser comprar os direitos da F-1...

Aí o Nelsinho deita e rola...

Brincadeira, gente!
O Briatore é casca mesmo, só que o Nersão é mais casca ainda...