sábado, 27 de março de 2010

JÁ QUE É PARA COMEMORAR ANIVERSÁRIOS DE MORTOS: RENATO RUSSO, 50 ANOS.


Hoje o cantor e compositor Renato Russo, líder do conjunto de Brasilia "Legião Urbana" completaria 50 anos. Voz de uma geração, dono de um enorme talento, ao mesmo tempo de uma personalidade atormentada, Russo deixou algumas pérolas para a posteridade.









3 comentários:

Juliana Pires disse...

Grande Renato Russo, ele faz muita falta na música brasileira.

Beijos

Crabb e Maria disse...

Belíssima homenagem. Renato é um exemplo para toda uma geração que buscava nas drogas o refugio para seus medos. Inteligência que compunha uma verdadeira filosofia de vida, talvez tenha sido um mártir pagando com a própria vida as conseqüências de seus atos. Dizia coisas românticas como: “Veja o sol dessa manhã tão cinza. A tempestade que chega é da cor dos teus olhos castanhos”; sábias como: “É preciso amar as pessoas como se não houvesse amanhã, porque se você parar pra pensar, na verdade não há.” ; irreverentes como: “E eu gosto de meninos e meninas” ; poéticas como: “Ainda que eu falasse a língua dos homens, e falasse a língua dos anjos, sem amor eu nada seria.”; politizadas das como: “ Vamos celebrar a estupidez do povo. Nossa polícia e televisão.Vamos celebrar nosso governo e nosso Estado, que não é nação.” e filosóficas como: “ Disciplina é liberdade. Compaixão é fortaleza. Ter bondade é ter coragem, Lá em casa tem um poço, mas a água é muito limpa.” Grande Renato Russo.

Ron Groo disse...

Sempre fui muito fã da Legião, tinha os vinis e hoje ainda tenho os cds, mas não ouço mais.
Ainda acho tudo lindo e de bom gosto, mas entendi que as letras de Renato tem apenas um personagem: ele próprio.

Nada contra, mas acabamos descobrindo Chico, Caetano, Baleiro... Que escrevem mais pluralmente.

Porém repito, sou fã da Legião, defendo Renato como um dos melhores de sua geração, mas cresci, se é que se pode dizer isto.