domingo, 23 de outubro de 2011

MARCO

Hoje se foi Marco Simoncelli, um dos mais talentosos pilotos da Moto GP, talvez o legítimo sucessor de "il dottore" Valentino Rossi. Não há muito a dizer, apenas que fatalidades são parte de esportes a motor. Feliz aquele que vive e morre fazendo o que mais ama!

4 comentários:

Ron Groo disse...

E agora? Vão exigir mais segurança nas motos como?

Ingryd Lamas disse...

Concordo que fatalidades acontecem, mas existem algumas observações que venho matutando. Uma delas é que o capacete de Marco em hipótese alguma deveria ter saído de sua cabeça. A outra é que tem acontecido fatalidades demais no meio do automobilismo ultimamente. Não estou dizendo que existem ligações, que seja culpa de alguém ou culpa do "além", mas que tem morrido gente demais, isso tem.

Cezar Fittipaldi disse...

Ron e Ingrid, obrigado por comentarem.
Ingrid, o que me chamou a atenção foi o fato do capacete dele ter "pulado" da cabeça no momento da queda, ou do choque. Ele era meio doidão, talvez não estivesse com o casco afivelado, sei lá. Fatalidades acontecem e deve haver uma explicação cósmica para isso. Uma formula que junte acaso, imprudência, falhas humanas e teoria do caos....vai saber.

Rui Amaral Jr disse...

Cezar vc e eu conhecemos muito bem tudo isso. Sempre é uma tragédia, sempre, sempre choramos e sempre voltamos...

Um putabraço meu amigo.